Manual Guia do Sobrevivente

Manual Guia do Sobrevivente
Sobrevivencialismo e Preparação

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Sobrevivência Urbana: Como sobreviver em protestos.

Esta matéria não é pró ou contra um ou outro(s) lado da história, sendo este um blog que trata de sobrevivência, não entrará a questão política ou social, somente uma analise do que fazer, como agir e das estratégias usadas nestes eventos.


 Caro sobrevivencialista, se você for pego num cenário destes, acredite, o pior lugar possível para estar é entre os manifestantes e as forças do estado, literalmente você estará no fogo cruzado, e toda sorte de coisas podem acontecer, desde uma pedrada, garrafada ou um coquetel molotov até bala de borracha, gás e spray de pimenta.




 Uma revolta popular é algo terrível, você simplesmente olha para os lado e não sabe quem é amigo ou inimigo e não tem como saber quem vai ser o autor da próxima ação violenta. Manifestantes não usam fardas. Pelo menos não por enquanto.
Via de regra, o cara que pretende empreender um ato violento nestes protestos tem a tendência de supor que todo não fardado não é inimigo e é pouco provável que faça um ataque ou tome atitude hostil contra uma pessoa específica na multidão, ele seria simplesmente linchado se acertasse um companheiro.
Do outro lado está a policia, e só a experiência da tropa é que vai definir o que é alvo e o que não é. Milhares de pessoas, quem vai levar gás são os que demonstrem um comportamento específico, que os coloquem em risco ou simplesmente aqueles que não obedeçam suas determinações, por exemplo, se a policia quer dispersar manifestantes de uma área, você vai respirar gás e apanhar até sair, desmaiar, ser detido ou até coisa pior. Noutras palavras, eles vão limpar a área de uma forma ou outra, ordens são ordens.



 Estratégias:
 Policia - As forças do estado são organizadas e treinadas, isso é fácil de se notar se estudar um pouco o modus operanti das tropas de choque. Geralmente os caras do escudo só tem o trabalho de proteger o grupo, um ou dois terão recursos preparados para oferecer uma resposta LETAL, e nos flancos estão as armas químicas, e as espingardas com balas de borracha, todos tem meios como spray de pimenta, cacetes e até tesar. A linha de suprimento de cada grupo é o veículo, geralmente blindado que por sí só é também uma arma de contenção e um recurso muito poderoso, com agua pressurizada e tubos lançadores de granadas químicas variadas. A formação em linha da tropa quase sempre é a inicial, pouco antes de começar a ação os escudos se fecham para proteger os atiradores, a partir deste ponto a formação vai depender da situação e do tipo de hostilidade que vão receber.



Manifestantes- Muitos que já estiveram em protestos violentos também colocam suas cabecinhas para criar meios para reagir, e em protestos prolongados ou recorrentes, também aumentam seus meios, se o primeiro foi com paus e pedras, o segundo vai ter bomba caseira, rojão, molotov e talvez até armas, sem contar que o numero de motivados a lutar aumenta. A procura por armas improvisadas e dissimuladas na internet explode e muitos acabam por usar meios de insurgência ou guerrilha.



Em uma analise fria, a policia vence sempre, isso é fato, mas a cada vez fica mais difícil, perigoso e mais e mais prejuízos e feridos engrossam os números dos confrontos. Esta pequena analise oferece recursos valiosos, observando você pode perceber o momento que a coisa vai descambar e tem alguma chance de cair fora do local ou se proteger.



Sobreviva:
- Se você não tiver opção, ou se ver encurralado entre um grupo ou outro, o melhor que tem a fazer é voltar de onde veio e sair o mais rápido possível. Colha informações antecipadas do trajeto previsto pelos manifestantes e evite a região para não passar por este sufoco.
- Leitor do meu blog geralmente tem um EDC, num cenário deste um canivetinho equivale a um AR15 aos olhos da policia, teve gente presa com vinagre, portanto avalie muito bem os itens que pretende carregar nestas regiões, um mini kit de primeiros socorros e uma garrafa de agua talvez sejam mais valiosos.
- Use botas, se um caco de vidro entrar no seu pé, isso vai ferrar sua mobilidade. E não invista naquela sua jaqueta camuflada neste dia, por mais benefícios que ela ofereça, você será UM ALVO saboroso pros dois lados.
- Frutas cítricas ajudam a minimizar o efeito do ácido do gás lacrimogênio, uma compressa de agua +5% de bicarbonato também, acredite a posição da tropa de choque e onde as bombas irão cair são definidas pelo vento, as granadas cobrem uma área de 6x6 metros, o vento faz o resto do trabalho, a policia nunca vai atirar bombas de gás se for pra receber a nuvem de volta na cara.


- Mobilidade é um fator determinante se estiver em uma situação de risco. Se for para entrar em algum lugar para se proteger, certifique-se da segurança e de ter como sair se algo der errado, lojas e comércios em geral tem vitrines de vidro e são abertos, suscetíveis a entrada de agentes químicos e podem se tornar uma armadilha mortal caso seja incendiado.
 - Manifestante, fogo e ônibus são uma mistura explosiva. Não pense, saia fora. Não duvide das intenções de ninguém e não julgue os demais pelos seus eixos morais, não é porque você nunca teria coragem de incendiar um ônibus com pessoas dentro que o mascarado não vai fazer.
- O ideal é estabelecer sempre uma rota alternativa, não canso de repetir isso, mas se mesmo assim for pego no tumulto, e estiver acompanhado de crianças, idosos ou feridos, sua rota é pelos FLANCOS e na direção da Policia SEMPRE, policiais são treinados exaustivamente e sabem reconhecer o que é uma pessoa em apuros de um militante violento, ir diretamente na barreira de escudos é errado e perigoso, os soldados que dão apoio estão nos flancos geralmente, em ruas e áreas fechadas, pedras, vidro e estilhaços podem ricochetear nos muros e construções, use uma mochila, casaco ou qualquer coisa que encontre para proteger as costas e a cabeça.


- Quando as bombas começam, também começa a correria e é muito fácil cair e ser pisoteado, cuidado.
- Se você mora em uma região onde os protestos acontecem, o melhor que pode fazer é ficar em casa, nos prédios tome cuidado com rojões, gás e os clássicos tiros para o alto.



Eu realmente espero que toda esta manifestação não gere vitimas, embora ovos tenham sempre que ser quebrados para se fazer um omelete como alguns dizem, lembre-se sempre de quem os espera em casa e que o outro também tem uma família.

Translate