segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Faça sua porta blindada - projeto caseiro.

Na verdade nem é um projeto assim tão exclusivo.
Assim como as facas o que podia ser feito já foi feito e por ter uma aplicação militar óbvia, já foi muito estudado.
Mas ainda há muita obscuridade na hora de tratar o tema, sem falar no preconceito que leva o preparador a ser tratado como um maluco paranoico, mas antes sermos malucos que vitimas ou estatística.

Esta é a postagem de uma adaptação básica de um projeto de porta de segurança muito utilizado na segunda guerra mundial e em países que se preocupam em manter seus cidadãos vivos.

Quando pensar em montar uma porta você deve ter em mente o uso e qual função ela tem de cumprir.
O local onde a porta vai estar também é muito importante. Veja esta imagem:
Trata-se de um bunker militar, feito pra guerra e para suportar castigo, mas vamos nos ater ás portas, são duas e estão numa posição estratégica, o corredor em "L" vai tornar a vida de um invasor um inferno além de proteger a porta 2 (P2) contra impactos diretos, não dá pra usar um aríete ou marreta como se deve num espaço tão pequeno, da mesma forma, não dá pra pegar embalo com uma corrida. Reparem também que se uma munição vencer a porta 1, ela vai parar diretamente em uma parede reta, idem na porta 2, os ocupantes ainda tem uma segunda parede interna para servir de abrigo.
Seguindo esta linha, vamos ver a proxima imagem:
Esta imagem deixa bem claras suas intenções, é um ninho de metralhadora, reparem que há um duto para que granadas sejam despejadas em frente a porta 1, logo podemos presumir que a porta 1 suporta fácil este tipo de assédio, porém, ainda assim há a entrada em L ainda protegendo a porta 2, creio que fica bem claro a função de cada porta e como é importante trabalhar a localização de sua entrada de segurança, por mais piada que pareça, quanto mais você proteger sua porta, mais brutal ela se tornará.

Este é o pior cenário possível para um invasor, ele obrigatoriamente será guiado, sem cobertura alguma, totalmente a mercê dos defensores. Uma olhadinha na porta pode custar caro demais, quanto mais derruba-la.

Pior ainda seria ter que derrubar esta porta blindada:

Além da óbvia dificuldade mecânica, descobrir onde é a entrada torna-se um jogo perigoso para o invasor e uma arma sem igual para o defensor. Não dá pra arrombar uma porta que "não existe" não é mesmo?

Esta é uma porta anti arrombamento clássica:
É disso que você precisa para manter qualquer um fora da área que quer proteger, uma boa fechadura e dois cadeados tornam esta estrutura infernal, mas ainda faltou lidar com outros problemas, como privacidade, proteção balística etc... e é neste ponto que instalamos as chapas de aço:
Reparem bem na foto acima, são duas portas no mesmo batente. Exatamente este modelo, com poucas modificações na forma de fechar é o indicado pelos especialistas Israelenses para ser instalados em abrigos em regiões onde os colonos podem sofrer risco de bombardeamento por foguetes de artilharia. Vejam as fotos:


Para os curiosos, inclusive eu, a chapa mínima indicada pelos especialistas de lá e de aço 1020 com 2 mm de espessura.






Acho que isso dá um bom parâmetro para meus leitores sobre alguns aspectos e mostra onde fui buscar informações que complementam o vídeo.
Embora eu não tenha a pretensão de explodir um artefato na minha porta só pra testar a resistência, tenho plena confiança na estrutura pesada da qual foi feita, cabe agora aqueles que querem literalmente dificultar o trabalho dos agressores impor mais medidas de proteção no projeto, como camadas de chapa extra, trancas mecânicas, escoras, vedação, o bom disso tudo é que o custo é de um portão, muito mais barato que portas industrializadas e pode ser feito em qualquer serralheiro.

Esta postagem foi complementar a este vídeo:

E espero realmente muitas opiniões e ideias nos comentários do BLOG, para que futuros pesquisadores do tema tenham material para avaliar e desenvolver seu projeto.


Abraços!








Translate

Publicidade