quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Série SUPER-ALIMENTOS: Castanha do pará.

Leia com atenção sobrevivencialista, depois deguste o video.

Me esforço demais para garantir conhecimento para você e sua familia hoje, poupei seu trabalho de pesquisa sobre esta semente chamada Castanha do Pará... é, é uma semente mesmo!

Apesar do seu nome em inglês, Brazil nut, o maior exportador de castanhas-do-para não é o Brasil e sim a Bolívia.O nome em português se refere ao Pará, cuja extensão no período colonial incluía toda a Amazônia brasileira.


Os acreanos, por serem os maiores produtores nacionais de castanha - referem-se a elas como castanhas-do-acre. Alguns nomes indígenas são juvia na região do Orinoco e sapucaia em outras regiões do Brasil. Embora seja classificada pelos cozinheiros como uma castanha, os botanistas consideram a castanha-do-pará como uma semente, e não uma castanha, já que nas castanhas e nozes e casca se divide em duas metades, com a carne separando-se da casca.



É um fruto com alto teor calórico e proteico, além disso contém o elemento selênio que combate os radicais livres e muitos estudos o recomendam para a prevenção do câncer.

Eis a árvore, que dá a semente.

O detalhe das folhas, cerca de 20 cm e seguem um padrão constante nas castanheiras...

Alimentação

Castanhas-do-pará após a remoção da casca
As castanhas-do-pará possuem 18% de proteínas, 13% de carboidratos e 69% de gordura. A proporção de gorduras é de aproximadamente 25% de gorduras saturadas, 41% de monoinsaturadas e 34% de polisaturadas. Possuem um gosto um tanto terroso, muito apreciado em vários países. O conteúdo de gordura saturada das castanhas-do-pará está entre o mais alto de todas as castanhas e nozes, superando até mesmo o da macadâmia. Devido ao gosto forte resultante, as castanhas-do-pará podem subtituir frequentemente macadâmias ou mesmo o coco em receitas. Castanhas-do-pará retiradas de suas cascas tornam-se rançosas rapidamente. As castanhas também podem ser esmagadas para se obter óleo.
Nutricionalmente, as castanhas-do-pará são ricas em selênio, embora a quantidade de selênio varie consideravelmente. São também uma boa fonte de magnésio e  Tiamina. Algumas pesquisas indicaram que o consumo de selênio está relacionado com uma redução no risco de câncer, Isto levou alguns analistas a recomendarem o consumo de castanhas-do-pará como uma medida preventiva..




Medicinal

O chá da casca da castanheira-do-pará é usado na amazônia para tratamento do fígado, e a infusão de suas sementes para problemas estomacais.
Por seu conteúdo em selênio, a castanha é antioxidante.
Seu óleo é usado como umidificador da pele.

Outros usos

Assim como no uso alimentar, o óleo extraído da castanha-do-pará também é usado como  LUBRIFICANTE, para se fazer TINTAS  e na indústria de COSMÉTICOS.
A madeira das castanheiras-do-pará é de excelente qualidade, porém a sua extração está proibida por lei nos três países produtores (Brasil, Bolívia e Peru). A extração ilegal de madeira e a abertura de clareiras representa uma ameaça contínua.


As castanhas são frutos oleaginosos que incluem as nozes, amêndoas, avelãs, pistaches, as típicas portuguesas, de caju, do Pará e diversas outras. Nós costumamos encontrá-las agora, na época que antecede as festas de final de ano, mas a verdade é que essas frutas são carregadas de nutrientes que trazem vários benefícios à saúde o ano todo ¿ como gorduras mono insaturadas e polinsaturadas, vitaminas e minerais. E já que estamos em época, aposte firme nas castanhas, pois isso será um belo presente de Natal para o seu organismo.

História
Estudos dão conta de que os principais tipos de castanhas teriam surgido na Ásia, na região européia dos Bálcãs e do Cáucaso, primeiro com as civilizações orientais e depois com as ocidentais há cerca de 4 mil anos. Gregos e romanos foram grandes apreciadores de castanhas, assim como os árabes e diversos povos da Idade Média.

Durante esse período, aliás, mosteiros e abadias eram os lugares onde os religiosos utilizavam muito as castanhas, inteiras e moídas, para criar receitas. Com o Renascimento, a culinária ganhou notoriedade ¿ e foi aí que diversas castanhas ganharam ares de alimento requintado. Na França, por exemplo, surgiu o marrom glacê, doce feito com castanhas portuguesas assadas e adoçadas.

Características
A maioria das castanhas são bastante ricas em vitamina C e as do complexo B ¿ e contêm ainda boa quantidade de potássio, cálcio, fósforo e ácido fólico. Consideradas hoje em dia tanto um componente saudável e saboroso para diversas receitas doces e salgadas quanto um lanche rápido e prático, as castanhas constituem um complemento alimentar muito nutritivo. Cozidas, assadas ou na forma de farinha, elas são mais populares no inverno do Hemisfério Norte ou nas festas natalinas do Hemisfério Sul.

Nutrição
As nozes, por exemplo, são famosas por conter uma grande quantidade de calorias, mas também é daí que vem sua fama de ótima fonte de energia. Além disso, as nozes contêm muita vitamina E, potássio e proteína vegetal. Já a castanha-do-Pará fornece o selênio, que é antioxidante, além de magnésio e ácido graxo ômega 3, benéficos para a saúde de várias formas. Avelãs e amêndoas também são ricas em potássio e vitamina E, e contêm boas quantidades de cálcio.

As castanhas só precisam ser consumidas com moderação por causa das calorias. Dez unidades de castanha-do-Pará, por exemplo, têm 273 calorias.

Veja outras quantidades
10 unidades de amêndoas: 129 calorias
10 unidades de castanha-de-caju: 166 calorias
10 unidades de nozes: 184 calorias
10 unidades de pistache: 40 calorias
10 unidades de castanha portuguesa crua: 194 calorias

Como comprar
A data de validade para castanhas compradas em supermercados é essencial (e mesmo naquelas vendidas a granel, o vendedor tem que fornecer a data de validade). No momento da compra, deve-se observar o estado da pele, que deve ser brilhante e intacta (sem cortes ou furos) e com cheiro fresco.

Armazenamento: Para conservar em casa, as castanhas de todo tipo devem ser guardadas em local bem arejado e seco. É importante que não sejam comprimidas, amassadas, devendo estar bem soltas entre si, para que não fiquem rançosas logo.

Dicas de mestre
- Tirar pele de amêndoas e avelãs, conforme muitas receitas pedem, não é nada fácil. Ou melhor, é: antes de usar, torre-as levemente no forno quente até dourá-las e depois coloque-as em um pano de prato limpo. Dobre-o sobre as avelãs e esfregue com firmeza. A pele sai todinha;

- A quantidade de selênio na castanha-do-Pará é tão grande que apenas uma unidade supre as necessidades diárias do corpo;

A VALIDADE MÍNIMA, DESCASCADA É DE 12 MESES, COM CASCA SÓ DEUS SABE!

Quer mais? ok então Toma:



Infelizmente a câmera hoje deu pau, mas amanhã prometo um vídeo que vai surpreender muita gente sobre este fruto.


Bom conhecimento galera!

Translate

Publicidade